FIQUE ATENTO: Cobrança indevida

Artigos

Muitas empresas em todo o Brasil, estão sendo alvos de cobranças indevidas através de boletos bancários de empresas e/ou entidades, supostamente relativos a materiais não fornecimentos.

Esta prática ilícita é clássica, os boletos são normalmente de baixo valor, que variam de R$ 50 a R$ 300, de acordo com o porte das empresas, as duplicatas são emitidas e enviadas às empresas sacadas próximas à data do vencimento ou no próprio dia do vencimento, assim as empresas desavisadas, sem tempo para confirmar o débito, acabam efetuando o pagamento do boleto inesperado e somente depois descobrem que a cobrança é indevida.

O boleto bancário normalmente é emitido pela empresa fraudulenta para pagamento na rede bancária e na maioria dos casos, os boletos têm a aparência oficial, iguais aos que circulam no mercado diariamente, ou seja, passa a sensação de ser um documento, cujo pagamento, seja obrigatório ou recomendado.

Na maioria dos casos não existe serviço ou produto relacionado e os cedentes da duplicata são fantasmas, ou quando existem, não fornecem explicação dos serviços e/ou produtos fornecidos ao qual o pagamento daria direito.

É útil saber que em vários casos é possível ação de recuperação, principalmente quando os golpistas puderem ser conhecidos e localizados, além de receber o valor do indébito em dobro, a vítima tem direito à correção monetária, juros e indenização, dependendo do caso.

É muito difícil para o empresário perceber que esta sendo enganado, destarte, o mais recomendável às empresas é que tenham um controle sobre a própria administração, documentos contábeis e contas a pagar, para evitar prejuízos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *